Sua marca tem personalidade?

0
É cada vez é mais importante que sua marca tenha uma personalidade forte. Isso mesmo, nada de posicionamento institucional, brincadeirinhas fúteis ou joguinhos educativos. O maior diferencial de seu produto será a personalidade da marca que ele possui, atitude mesmo, da forma mais humana possível.

Falo muito que as marcas precisam vender valores que causem impacto positivo na sociedade, mas atualmente para se manter no mercado as marcas tem que SER o valor que vendem, conversando e agindo como pessoas reais. Afinal, toda empresa é construída por pessoas, certo?

Storytelling, Marketing 3.0, humanização de marca, responsabilidade social... todos esses conceitos são utilizados e praticados simplesmente para criar uma marca forte, com personalidade. 

Por exemplo, descubra quem é a marca:

Sou gente boa, feliz, amiga, sempre estou à sua mesa e te acompanho nos momentos mais felizes de sua vida. Quem sou eu?

Ok, não responderei ainda... Vamos para mais uma:

Minha missão é encantar pessoas, sou um mundo encantado, e também o sorriso de uma criança, ou de um adulto. Te ajudo a se divertir e sou um exemplo de como fazer as pessoas gostarem de mim. Quem sou eu?

Mais uma: Tente novas experiências, novos conhecimentos. Pode ser? Quem sou eu?

As três marcas citadas acima não precisam nem “falarem” muito para sabermos quem são. Afinal, conhecemos a personalidade de cada uma delas. E como disse, mais do que isso, conhecemos as atitudes disseminadas no mundo todo.

Personalidade de Marca – Redes Sociais

Ter atitude enquanto empresa, instituição, produto, além de ser essencial para se criar uma marca forte, hoje em dia é indispensável para a empresa ter um bom Serviço de Atendimento ao Consumidor via redes sociais, o chamado SAC 2.0.

Para ser eficiente e gerar engajamento, quando for conversar com clientes nas redes sociais converse como se sua marca fosse de fato uma pessoa. Não se mostre como o social media que responde as dúvidas e sim, seja a marca naquele momento da resposta. 

Vemos as marcas conversando entre elas no Twitter, adoramos o modo como a Prefeitura de Curitiba interage com os fãs, idolatramos a Apple pelo belo atendimento e capacidade de engajar pessoas... Mas tudo isso é conquistado graças a uma atitude, um ponto de vista, um discurso simples, coloquial, humano.

Enfim, QUEM é sua marca? Apresente-a amigavelmente aos seus clientes. Ressalte os pontos positivos, a boa conversa, o ótimo tratamento concedido aos consumidores. Com isso, sem dúvida além de clientes, sua empresa/produto também conquistará grandes amigos.

E sobre as três primeiras empresas citadas acima, deixo para vocês responderem quem são. ;)